Para lembrar o “Maio Amarelo”, Curitiba ilumina monumentos e praças pela segurança no trânsito - Jornal de Colombo

Para lembrar o “Maio Amarelo”, Curitiba ilumina monumentos e praças pela segurança no trânsito

Para lembrar o “Maio Amarelo”, Curitiba ilumina monumentos e praças pela segurança no trânsito

A Prefeitura de Curitiba, através da Secretaria de Obras Públicas, começou a realizar nesta semana a troca da iluminação cênica de monumentos e praças da cidade em alusão ao “Maio Amarelo”, que visa lembrar da importância de construir um trânsito mais seguro para as pessoas. A ação coordenada entre o poder público e a sociedade

Foto: Daniel Castellano

Foto: Daniel Castellano

A Prefeitura de Curitiba, através da Secretaria de Obras Públicas, começou a realizar nesta semana a troca da iluminação cênica de monumentos e praças da cidade em alusão ao “Maio Amarelo”, que visa lembrar da importância de construir um trânsito mais seguro para as pessoas. A ação coordenada entre o poder público e a sociedade civil com o objetivo de colocar a segurança viária em pauta.

O prefeito Rafael Greca disse em entrevista ao Jornal de Colombo que a ideia é que todo mundo se una, desde o poder público até a sociedade civil, porque segundo ele, todos devem obedecer as leis de trânsito. ”A obediência às leis do Código Brasileiro de Trânsito é do interesse de quem está andando, de quem está dirigindo ou pedalando e, acima de tudo, das famílias de Curitiba, que não querem perder ninguém por imprudência nas ruas”, diz o prefeito Rafael Greca.

Na noite do último domingo (1), a Praça do Japão, no bairro Batel, em Curitiba, foi a primeira a receber a iluminação na cor amarela para marcar a chegada de maio. De acordo com a Prefeitura, outros pontos serão iluminados entre eles a estufa do Jardim Botânico; a Torre de Cronometragem do Parque Náutico; as Ruas da Cidadania do Pinheirinho, Portão e Boqueirão; o Portal Santa Felicidade; o Museu Municipal de Arte (MuMA); e as praças 29 de Março e 19 de Dezembro.

 

Manual técnico, debate com especialistas e campanha

Durante o mês alusivo ao “Maio Amarelo”, a Superintendência de Trânsito (Setran) vai lançar o Manual de Projetos Padrões da Sinalização de Trânsito de Curitiba. De caráter técnico, o documento é voltado para profissionais que desenvolvem projetos e implantam sinalização viária, com o objetivo de servir de referência a outras cidades.

Para debater estratégias, ferramentas e inovação na educação para o trânsito, Curitiba sedia o 1º Seminário Intermunicipal sobre o tema, no dia 23. E, voltada ao público em geral, nos próximos dias a Prefeitura lança uma campanha publicitária de respeito no trânsito, além do engajamento da gestão municipal com o tema nas redes sociais oficiais do órgão.

Atividades educativas

Boas condutas, respeito e empatia no trânsito serão reforçados em atividades educativas, em um trabalho coordenado pela Escola Pública de Trânsito (EPTran). Outras ações, propostas pelo Comitê Trânsito Seguro, também terão a participação de agentes da EPTran.

A primeira delas acontece também na segunda-feira, logo após a abertura do Maio Amarelo, na Avenida Cândido de Abreu, no Centro Cívico, em frente à Prefeitura.

Kainan
EDITOR
PROFILE

Posts