Mulher suspeita de mandar matar haitiano após festa, é presa em Curitiba - Jornal de Colombo

Mulher suspeita de mandar matar haitiano após festa, é presa em Curitiba

Mulher suspeita de mandar matar haitiano após festa, é presa em Curitiba

Uma mulher foi presa na manhã desta sexta-feira (6), em Curitiba, suspeita de mandar matar um haitiano em fevereiro de 2022. Rapaz foi morto a tiros dentro de um carro no bairro Alto Boqueirão, em fevereiro. Segundo informações a vítima foi executada após sair de uma festa de carnaval na madrugada do dia 28 de fevereiro, na

Foto: Divulgação PCPR

Foto: Divulgação PCPR

Uma mulher foi presa na manhã desta sexta-feira (6), em Curitiba, suspeita de mandar matar um haitiano em fevereiro de 2022. Rapaz foi morto a tiros dentro de um carro no bairro Alto Boqueirão, em fevereiro.

Segundo informações a vítima foi executada após sair de uma festa de carnaval na madrugada do dia 28 de fevereiro, na Rua Wilson Dacheux Pereira. A vítima era conhecida como PetyFalah de 27 anos.

Conforme as imagens das câmeras de segurança, que registraram a ocorrência, o crime ocorreu aconteceu por volta das 4 horas da manhã.

As imagens mostram o suspeito de ter atirado contra o haitiano, segundo as câmeras, ele vestia uma blusa moletom vermelha e com a cabeça coberta por um capuz. Ele chega correndo com a arma de fogo em punho, e dispara várias vezes contra o carro onde encontrava-se a vítima.

“As informações que temos, é que a vítima foi dançar com uma moça na casa noturna. A moça de sentiu ofendida e chamou o irmão. O irmão procura um traficante, conhecido como Senhor das Armas, que leva uma pistola semiautomática para o local e a vítima perde a vida dentro de um veículo Uber”, explicou o delegado Tito Barrichello, da Polícia Civil.

Kainan
EDITOR
PROFILE

Posts