Nesta quarta-feira, 14, na Regional Maracanã, Colombo recebeu a visita de representantes da Superintendência do Esporte do Paraná para a entrega de materiais esportivos do Projeto Educação Mais Esportes Transforma Paraná. O evento aconteceu na Regional Maracanã e foram entregues equipamentos de diferentes modalidades, como bolas, luvas, camisas, entre outros.

A entrega foi possível após a adesão do Município ao programa. O termo de adesão foi assinado pelo prefeito Helder Lazarotto no mês de fevereiro. Os materiais serão utilizados em modalidades e formatos estabelecidos pela Paraná Esporte, e executados por profissionais ligados ao Departamento de Esportes da Prefeitura de Colombo. 

O diretor do Departamento de Esportes, Marcelo Nunes Monteiro, destacou a possibilidade de poder desenvolver os projetos com a retomada cada vez mais próxima das atividades presenciais, em especial o esporte. “Este é um momento ímpar para o nosso município tendo em vista a pandemia que nós estamos passando e essa possível volta das atividades. A Superintendência vem agora trazer os kits para que a gente possa fazer um trabalho bonito, de evolução dentro do nosso município. Tem muitas coisas boas vindo por aí”, afirmou.

O vice-prefeito e secretário de Educação, Professor Alcione“Vem ao encontro com o que nós projetamos para a nossa cidade de Colombo. Sempre ressaltamos a importância do Esporte em nossa gestão. É um sinal positivo que mostra que somos parceiros, que vamos andar juntos. Queremos fazer do esporte algo de extrema importância no nosso Município”

Representando o Superintendente do Esporte, Hélio Wirbiski, o dirigente Clésio Prado pontuou Colombo como um importante pólo esportivo. “Viemos para conversar sobre a questão de políticas públicas, e Colombo está no roteiro esportivo, pela importância que tem, não apenas na Região Metropolitana, mas em todo o Estado”, destacou. 

Por fim, o prefeito Helder Lazarotto comentou a visão da gestão municipal em torno da questão esportiva. “O esporte talvez seja a melhor ferramenta de inclusão social. O esporte tem que ser sempre incentivado, pois é vinculado à Saúde e à Educação. E esse momento é simbólico e importante. Não pelo kit em si, mas pelo que ele representa em relação à parceria com o nosso Governo do Estado”, encerrou.