O Museu Oscar Niemeyer (MON) reabriu ao público no último sábado, 1º de maio. A decisão leva em consideração o decreto estadual 7.506/2021 e segue orientações de segurança determinadas pela Secretaria de Estado da Saúde.

Entre as várias medidas adotadas para a reabertura está o limite de pessoas para visitação nas salas expositivas e em todo o museu para garantir o distanciamento seguro. O material impresso, como guias e folders, foi substituído por versões digitais, disponíveis por QR codes.

Devido à pandemia, o MON ficou fechado ao público nos períodos de 17 de março de 2020 a 16 de outubro de 2020; de 6 de dezembro de 2020 a 9 de janeiro de 2021; e de 27 de fevereiro a 30 de abril de 2021.

Como novidade na reabertura, o MON apresenta a exposição “Schwanke, uma Poética Labiríntica”, concebida exclusivamente para o espaço do Olho. É uma retrospectiva do trabalho do artista Luiz Henrique Schwanke (1951-1992), desde a década de 1970 até as últimas produções, num total de mais de 150 obras, sendo boa parte inédita. “Ao realizar a exposição, que é inédita e foi idealizada especialmente para o espaço do Olho, o MON reverencia esse artista pesquisador tão importante que, com seu trabalho, explorou magistralmente as mais diversas linguagens, o que faz com que sua obra permaneça tão atual”, afirmou a diretora-presidente do museu, Juliana Vosnika.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.