O município de Colombo terá direito a 258 vagas para o Bolsa Qualificação, um programa que vai distribuir recursos da Lei Aldir Blanc a trabalhadores do setor cultural (três parcelas de R$ 1 mil), tendo como contrapartida a participação de aulas ofertadas pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) na modalidade de ensino à distância (EaD). A distribuição das vagas foi definida de forma proporcional à população de cada macrorregião paranaense.

O curso de extensão ofertado tem carga horária de 120 horas, divididas em três módulos de 40 cada. O primeiro módulo, que trata da formação em políticas de incentivo à cultura, é comum e obrigatório a todos os contemplados. “Os artistas têm boas ideias, mas muitas vezes têm dificuldade de colocar no papel para acessar os editais de incentivo. Essas primeiras 40 horas são para aperfeiçoar a elaboração de projetos”, explicou a superintendente-geral de Cultura, Luciana Casagrande.

Os módulos seguintes serão voltados para a área de atuação de cada participante, e os conteúdos foram divididos entre Artes Visuais; Audiovisual; Circo; Dança; Literatura, Livro e Leitura; Música; Ópera; Povos, Comunidades Tradicionais e Culturas Populares; Teatro e Técnicos que atuam na cadeia produtiva da cultura.

1 comentário em “Colombo terá 258 vagas para Bolsa Qualificação

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.