Na abertura do ano legislativo, Beti Pavin discursou na Câmara

Na tarde da última terça-feira (06), a Câmara Municipal de Colombo abriu os trabalhos com mais uma sessão ordinária, contando com a presença dos vereadores que legislarão em Colombo por mais este ano. Além de reabertura da Casa, houve a primeira divulgação do ano, para confirmar as novas emendas ao Projeto de Lei nº003/2018, que autoriza ao Poder Executivo Municipal estabelecer com o Governo do Estado do Paraná a gestão associada para a prestação, planejamento, regulação e fiscalização dos serviços de abastecimento de água e esgoto sanitário em regime de compartilhamento de titularidade no Município de Colombo, inserido na Região Metropolitana de Curitiba.

Para finalizar a abertura do ano legislativo, os vereadores receberam a presença da prefeita Beti Pavin, que discursou por cerca de trinta minutos e fez um balanço sobre as obras e investimentos em 2017 e do que estar por vir neste ano. A gestora relembrou do período difícil que o país viveu nos últimos anos e como ele influenciou também nos cidadãos colombenses. Beti destacou as medidas difíceis tomadas em sua gestão, como o cancelamento das duas últimas edições da Festa da Uva e o congelamento dos salários da Prefeitura, dos vereadores e dos secretários no início de 2017. O compromisso com o pagamento em dia dos servidores também foi destacado.

Para 2018, Beti citou o objetivo de retornar à realização de concursos públicos em Colombo, explicou o novo plano de obras de infraestrutura do município, com investimentos em educação (Escolas em tempo integral e reformas de CMEIs), esportes (Reformas em ginásios esportivos) previsão de enchentes (Novo Plano Municipal de Drenagem), trânsito (Implantação da Municipalização do trânsito de Colombo) e saúde (Contratação de profissionais para Unidades de Pronto Atendimento). “Paralelo a isso, estamos trabalhando também na manutenção de praças, parques e campos de futebol, espaços de lazer que já estão em processo de licitação”, completou.

Para finalizar, a prefeita confirmou a licitação para reformas ao longo da Avenida Abel Scuissiato, que deve acontecer ainda neste ano, além de novas obras de pavimentação na área rural. Em relação à Rodovia da Uva, Beti confirmou a autorização do Tribunal de Contas para que as obras se iniciem. “Acredito que entre seis e sete meses, essas reformas estarão concluídas”, finalizou.

Foto – Marcos Garcia

error: Content is protected !!