Ana Sátila é prata no Mundial Sub 23 de Canoagem Slalom

A canoísta paranaense Ana Sátila conquistou no fim de semana a medalha de prata do Campeonato Mundial Sub23 de Canoagem Slalom K1 na Bratislava (Eslováquia) e se tornou a quarta melhor do mundo no C1. A atleta é bolsista do programa Talento Olímpico do Paraná edição 2020 e começa bem o ciclo olímpico de Tóquio com um belo histórico na modalidade.

Em 2012, com apenas 16 anos de idade, Sátila estreou em Jogos Olímpicos disputando a edição de Londres. No ano passado defendeu o Brasil nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro já como atleta do TOP.

“Muito obrigada pelo apoio e por acreditar no nosso talento. Depois de um final de semana intenso, eu estou voltando para o Brasil realizada, e não apenas como atleta. Depois de tantos sacrifícios, tantas batalhas e dificuldades, nós vencemos”, disse a canoísta.

O TOP – O Programa Talento Olímpico do Paraná é um marco para o país, sendo o maior programa, em nível estadual, de incentivo ao esporte. Uma promoção do Governo do Paraná, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Turismo, com o patrocínio da Copel.

Atualmente o programa concede 1,6 mil bolsas para atletas em formação e de rendimento. Em 2016 no Rio de Janeiro conquistou duas medalhas olímpicas. De prata da Agatha no vôlei de praia e, também, de prata do Marcelo dos Santos na bocha paralímpica.

O secretário estadual do Esporte e Turismo, Douglas Fabrício, avalia os bons resultados do programa de incentivo. “Eu estive na Rio 2016 e acompanhei a evolução de nossos atletas que levaram o nome do Paraná e do Brasil para o mundo. Criado pelo governador Beto Richa, o TOP é um dos nossos grandes programas de apoio ao esporte estadual”, diz o secretário.

Foto – Divulgação

error: Content is protected !!